09 de julho de 2018

« Voltar para o blog

O que é Geração Distribuída e quais são suas vantagens?

O que é Geração Distribuída e quais são suas vantagens?

A Geração Distribuída, conforme definido pelo artigo 14 do decreto n°5163/04, é caracterizada pelos empreendimentos de geração que são conectados diretamente à rede de distribuição, com exceção das: hidrelétricas com potência superior a 30 MW e termelétricas com eficiência energética inferior a 75%. No entanto, popularmente é uma expressão usada para caracterizar os empreendimentos de geração elétrica que se encontram instaladas junto ao consumidor.

Quais são as vantagens da geração distribuída?

A partir da resolução normativa da ANEEL 482/2012, definiu-se no Brasil as condições regulatórias para a inserção da geração distribuída na matriz energética brasileira, que determinava, entre outros, o sistema de compensação financeira, onde consumidores que obtiverem níveis de produção superior aos níveis de consumo, recebem créditos de energia para serem utilizados na conta da mesma unidade consumidora ou em outra unidade, conforme o modo de compensação em que a unidade geradora se encontra. Outra vantagem ofertada pela geração distribuída aos consumidores trata-se da democratização do uso da energia elétrica, possibilitando a produção de energia para consumo próprio às regiões geograficamente desfavoráveis ao acesso à rede elétrica de distribuição.

Quanto aos benefícios ao sistema elétrico, a geração distribuída apresenta um importante papel quanto à diversificação e descentralização da matriz energética brasileira, permitindo a criação de um sistema elétrico mais confiável, decorrente da menor dependência dos níveis dos reservatórios das usinas hidrelétricas.

Outro aspecto importante são os maiores níveis de estabilidade e qualidade da energia consumida, haja vista a proximidade da geração com os consumidores finais, resultando em menores perdas e interferências ao longo da transmissão da energia.

No quesito ambiental, um dos benefícios trazidos pela geração distribuída de energia se dá pela produção a partir de fontes limpas no processo de geração, deixando de causar emissão de gases poluentes durante a produção e impactos ambientas em sua implementação, como acontece com as hidrelétricas. Os benefícios ambientais são a principal ferramenta de divulgação e incentivo da prática da geração distribuída no Brasil e ao redor do mundo, sendo a diminuição da emissão de CO2 proveniente das fontes tradicionais o principal argumento em seu favor.

geração-distribuída

Continue atualizando seus conhecimentos conferindo artigos sobre Gestão de Energia e outros assuntos em nosso blog.